A grande polêmica de plágio de “O Rei Leão”

14

rei-leao-polemica-inicio-camundongo

Os estúdios Disney são a maior referência na área da animação e seria surpreendente se conseguissem escapar de rumores e fofocas. Os fãs mais antigos cresceram ouvindo diversas lendas urbanas e teorias. Entre elas, uma das mais famosas é o suposto caso de plágio cometido no anos 90. O clássico “O Rei Leão” seria uma cópia da obra japonesa “Kimba: O Leão Branco”. Será? Vamos entender um pouquinho esse rumor que deixa alguns fãs com a pulga atrás da orelha.

Durante a leitura, mantenha em mente que a maioria dessas informações, como em todo bom rumor, não pode ser verificada. Principalmente após tantos anos. Ah, e cuidado! Há diversos SPOILERS das obras ao longo do texto. Por mais antigas que sejam, os Camundongos mais jovens podem não ter tido a chance de assisti-las.

rei-leao-polemica-001

O Rei Leão” é uma animação dos estúdios Disney, lançada originalmente nos cinemas em 1994. Dirigida por Rob Minkoff e Roger Allers, o longa ficou famoso pelo seu enredo profundo e suas músicas compostas por Hans Zimmer e Elton John. O desenho conta a história de Simba que, após perder o pai,  precisa enfrentar o passado e o tio Scar para ocupar seu lugar como verdadeiro rei. O filme bateu recordes de bilheteria e venda de CDs na época. É considerado por muitos como o melhor filme já feito pelos estúdios. Se não tiveram oportunidade, corram para conferir.

Kimba: O Leão Branco” (no original de 1965, “Jungle Tatite”) é um anime baseado no mangá de Osamu Tezuka (lançado em 2013 no Brasil pela editora NewPOP). Conta a história de Kimba que, após se separar da família, passa a ter contato com humanos e tem como dever proteger os animais de caçadores. Se ficarem curiosos, episódios inteiros podem ser assistidos no You Tube.

rei-leao-polemica-002

Tezuka é uma das maiores referências da animação oriental. Era fã assumido das produções de Disney, alegando ter assistido “Bambi” (1942) mais de oitenta vezes quando criança. Ele buscava nas obras ocidentais inspiração e técnica para contar suas próprias histórias. Em “Astro Boy” por exemplo, vemos a clara influência de “Pinóquio” (1940).

Os rumores começaram após o sucesso e fama do longa animado Disney. Fãs da obra de Tezuka e jornalistas críticos notaram e apontaram semelhanças entre os dois desenhos. Na época do lançamento do filme no Japão, artistas que  trabalharam em Kimba fizeram uma petição pedindo à Disney que Tezuka e sua equipe recebessem os devidos créditos mas isso não aconteceu.

Além de serem sobre leões, qual a semelhança entre os dois?

Bem, há muitas. Começando pelo nome dos protagonistas: Kimba e Simba. A palavra “simba” significa leão na língua africana Suahili o que justifica a escolha feita pela Disney ao nomear seu herói. O curioso é que Kimba teria originalmente o mesmo nome e Simba teria sido primeiramente planejado como um leãozinho branco.

rei-leao-polemica-003

Se os rumores forem reais, toda a produção de “O Rei Leão” se iniciou com o intuito de ser uma releitura da obra japonesa. Até mesmo o título dos dois eram parecidos em sua origem. “Kimba: O Leão Branco” se chamava “O Imperador da Selva” (“The Jungle Emperor“), enquanto a obra Disney foi primeiramente intitulada “O Rei das Selvas” (“The Jungle King“). Disney teria alterado o nome após perceber que leões vivem em savanas e não selvas.

Supostamente, várias empresas teriam brigado na justiça por anos pelos direitos de Kimba. A Disney, sem considerar uma possível derrota, teria autorizado o início das produções de “O Rei Leão”.  O ator Matthew Broderick, a voz original de Simba, acreditava ter sido contratado para dublar Kimba em uma versão americana.

rei-leao-polemica-004

Essa teoria justifica algumas semelhanças de roteiro como a morte dos pais; a tomada do poder pelo tio; os dois protagonistas comerem insetos;  e a existência de tantos personagens equivalentes nas duas histórias.

Podem ser citados como exemplo as hienas inimigas, os vilões, Bobo e Scar (eles até mesmo possuem uma cicatriz similar), os pássaros que acompanham as crianças, Poly e Zazu e os mandris sábios, Daniel e Rafiki.

rei-leao-polemica-005

Além das similaridades apresentadas, há ainda o layout (planejamento) de cenas das obras que, em alguns momentos, se mostra quase idêntico. A arte final e os cenários são claramente diferentes, o que é justificado pelas épocas distintas de produção e por Kimba ser um seriado, o que significa que utilizou menos recursos e dinheiro.

A Disney no entanto alegou na época (e mantém até hoje) que nenhum de seus animadores teve contato com a obra de Tezuka durante a produção de “O Rei Leão” e tudo não passou de uma grande coincidência. O animador Tom Sito manifestou sua posição quanto aos rumores:

rei-leao-polemica-006

Eu posso afirmar que nenhuma inspiração veio de Kimba. Um dos animadores encontrou o mangá de Kimba no qual havia um cenário que se parecia com a nossa Pedra do Reino. Eu me lembro que ele nos mostrava e eu disse “Uau, parece muito com o nosso”. Mas eu acredito que nunca existiu mais do que grandes coincidências”.

Rob Minkoff chegou a declarar em uma entrevista que não estava familiarizado com série de TV de Kimba e que ele e Roger Allers só tiveram conhecimento do anime e sua polêmica, em um voo com destino ao Japão para promover “O Rei Leão”.

rei-leao-polemica-007

Alguns acham difícil acreditar nessas declarações já que, de acordo com Madhavi Sunder, Allers trabalhou como animador no Japão nos anos 80 e seria praticamente impossível nunca ter ouvido falar de Osamu Tezuka e sua obra.

Então… Caso encerrado?

Não é bem assim. Se há várias semelhanças, há também grandes diferenças entre as obras, principalmente no que diz respeito ao foco principal de cada uma.

O desenho de Tezuka, por ser um seriado e durar muito mais tempo, não trata apenas da vida na selva, de como animais interagem ou de família. Ele traz uma reflexão sobre como humanos e animais devem interagir.

rei-leao-polemica-008

De fato, o que desencadeia toda a aventura do protagonista são caçadores que matam Panja, seu pai, e o tiram ainda filhote da selva. Ao longo de sua vida, Kimba conhece o mundo urbano, chegando a morar em grandes centros e entrar com contato com tecnologia humana. Ele aprende que não deve temer todos os homens.

Como já mencionado, o autor adorava os longas animados dos estúdios Disney. Se isolarmos o enredo de “Kimba: O Leão Branco” de sua arte, iremos perceber que o anime se assemelha mais à “Bambi” do que a “O Rei Leão”.

rei-leao-polemica-009

O longa da Disney, por outro lado, tem como objetivo ensinar que cada um possui seu lugar no ciclo da vida e sobre não fugir de suas responsabilidades. Além de nos emocionar retratando o amor entre pai e filho. Não há pessoas no mundo de Simba, tanto ele quanto os outros personagens, apesar de serem animais, agem e raciocinam como humanos.

O roteiro escrito por Irene Mecchi e Jonathan Roberts faz paralelos claros com “Hamlet” de William Shakespeare. Quem já leu a obra do inglês irá perceber que a trama em si é a mesma. Simplificando, um irmão (Claudius/Scar) mata o outro, atual rei, em busca do trono e poder. Seu filho (Hamlet/Simba) conversa com o fantasma do pai e retorna para vingá-lo e tomar seu lugar como verdadeiro rei. Os Camundongos mais atentos devem ter percebido a referência explícita em uma das cenas da animação.

rei-leao-polemica-010

Além das diferentes tramas, temos a posição dos estúdios de Tezuka, que não se mostraram ofendidos com as similaridades e nunca perseguiram a Disney por plágio. Takayuki Matsutani, presidente dos estúdios de Tezuka, declarou em 1994:

Muitos de nossa equipe assistiram a prévia de “O Rei Leão”. Discutimos o assunto e chegamos à conclusão de que não se pode evitar similaridades quando usamos animais como personagens e desenhamos tentando imitar a realidade.” Ela também disse que Tezuka ficaria feliz se soubesse que a Disney utilizou um de seus trabalhos como inspiração.

Ou seja…

Isso mesmo, não spodemos definir o que realmente aconteceu. Apenas gerar nossas próprias conclusões. O que acharam desses rumores?

Pessoalmente, vejo semelhanças demais entre as obras para acreditar que os profissionais envolvidos em “O Rei Leão” não conheciam Kimba. Por outro lado, se houve ou não alguma influência do anime, ela foi irrelevante. As produções tomaram caminhos muito distintos.

rei-leao-polemica-011

O roteiro de “O Rei Leão” é impecável e sua execução, das músicas à arte final, primorosa. Agrada, e muito, adultos e crianças até hoje. Na minha opinião, não há animação que se iguale (só “A Bela e a Fera”, vai…). E vocês, já tinham ouvido falar de Kimba? Conhecem algum fato não citado aqui? Comente com a sua opinião!

Um agradecimento especial à Maisa Watanabe, Eron Rocha e Ítalo Gonsalves por deixarem essa aficionada Disney explorar o tema na faculdade.

rei-leao-polemica-final-camundongo

Compartilhe.

Sobre o Autor(a)

Designer Gráfico, Disney freak, viciada em café, quer ser roteirista e princesa quando crescer. Têm mais livros do que deveria e leu mais vezes “Orgulho e Preconceito” do que têm coragem de admitir.



  • rodrigo duarte

    Sabe quando você está escrevendo algo e vai ficando empolgado com aquilo, finalmente você lê, fica super satisfeito, mas um tempo depois você descobre que inconscientemente usou referências já vistas antes, o que traz alguma semelhança com publicações anteriores, porém num novo contexto e com sua visão o que torna as obras distintas. Creio eu que tenha ocorrido isso nesse caso.

    • Caroline Calzolari

      É verdade, isso é bem comum de acontecer. xD Não é à toa que temos tantos livros e filmes parecidos um com o outro!

  • Basicamente o que eu penso:
    Tem referências? Não, e pq não? Pois a Disney “copiou” muita coisa de forma completamente descarada. Eu já vi ambos os filmes e a sensação de, no geral, ser uma releitura, é enorme.
    Ta, mas e daí? E dai que mesmo tendo bastante coisa copiada, “O Rei Leão” é o melhor filme de todos os tempos.
    Eu posso criar uma receita de bolo de chocolate, mas alguém pode vir, pegar minha receita e fazer um bolo muito mais gostoso e bem decorado do que o meu. E foi isso que a Disney fez. Transformou Kimba no Simba e fez dele um dos maiores sucessos de todos os tempos. Simple and clean.

    • Caroline Calzolari

      Eu concordo com você! Também acho “O Rei Leão” infinitamente melhor que “Kimba, o leão branco” xD

      Mas discordo com você quando diz que a Disney copiou muita coisa descaradamente. Por favor me corrija se eu estiver enganada, mas a empresa sempre usou obras de domínio público, como contos de fadas, ou deu os devidos créditos como em “Mary Poppins”.

  • Eu mesmo já criei histórias inteiras, enredo e explicações. Mas quando fui ver, saiu o filme Man of Steel, era a mesma coisa que eu tinha pensado. Não tem muito o que inventar mais, tudo já está criado e impregnado na mente das pessoas. É só lapidar uma ideia.

    • Caroline Calzolari

      Isso explica também tantos mitos ao redor do mundo terem a mesma premissa. Já leu o herói de mil faces?

  • Eron Rocha

    Pra mim utilizou sim Kimba como referência, o que não diminui em nada a obra que é O Rei Leão, cada uma teve o seu momento, seus fãs, uma não ofusca a outra. Eu assistia Kimba quando era criança e quando assisti O Rei Leão nem associei com Kimba, só depois que li em algum lugar uma crítica a respeito é que parei pra pensar. Adorei o texto :) e foi um prazer fazer aquele trabalho da facul ^^

    • Caroline Calzolari

      Saudades faculdade S2 Que bom que gostou em forma de texto! =D

      Como você sabe, eu também acho que rolou uma “inspiração” na hora de criar o storyboard. Mas o roteiro de “O Rei Leão” é tão impecável que chega a ser ridículo tentar desmerecer a obra!

  • ítalo Gonsalves

    Pegado só as cenas, parece sim, (como citado, impossível dizer que ninguém do Rei Leão teve NENHUM contato com kimba )… mas na essência, o roteiro, não dá pra dizer que são cópias… afinal né “Hamlet with animals”

    • Caroline Calzolari

      Exato! xD

  • Humberto Lima

    Adorei a matéria, Carol! De fato fica muito dificil separar essa linha ténue do que seria plágio e do que seria inspiração. O fato é que O Rei Leão é muito inspirado em Hamlet e em Bambi. Kimba, por sua vez, também pode ter se espelhado nas duas obras, de modo que fica difícil ter essa visão clara. Mas verdade seja dita: O Rei Leão é imbatível xD

    • Caroline Calzolari

      Que bom que gostou! =)

      Eu também penso assim. Principalmente porque Osamu era fã declarado de Walt e seu trabalho, em especial “Bambi”. Poderia a Disney processar seu estúdio por Astro Boy ser tão parecido com “Pinóquio” por exemplo? Acho que a Disney só deu uma escorregada criando algumas cenas tão semelhantes hahaha

  • Foi apenas 986 846 521 coincidências, é claro

  • Swamp Thing

    Copiou e mudou algumas coisas. São muitas coisas parecidas. Demais mesmo. É cópia sim.