Minnie Side | O passado e o futuro de Mary Poppins

1

minnie-side-mary-poppins-aniversario-inicio-camundongo

Nessa semana, completou-se cinquenta e dois anos do lançamento de Mary Poppins (1964) nas telas de cinema do Brasil. Apesar de ser um filme aclamado, Walt Disney teve muitas dificuldades e atritos com a criadora da personagem.

Em 1910, na cidade de Londres, o banqueiro Sr. Banks tem sérios problemas em contratar uma babá, uma vez que seus dois filhos, Jane e Michael, acabam convencendo as candidatas a desistirem com suas travessuras.

minnie-side-mary-poppins-aniversario-001

Numa noite, enquanto redige com sua esposa um anúncio de jornal, sua filha Jane leva a ele uma carta com as recomendações da babá perfeita. Esta carta chega às mãos de Mary, uma babá com poderes fantásticos que junto de seu amigo, o faz-tudo Bert, mudam a vida de toda a família levando muita alegria para o lar.

A Inglesa nascida australiana Pamela Lyndon Travers, nascida em 09 de Agosto de 1899, era uma jornalista e escritora sob a alcunha P.L. Travers, e foi responsável por conceber a série de livros sobre a fantástica Babá. Apesar de os livros terem sido criados em 1934 e 1935, apenas em 1964 a adaptação musical feita por Disney pode ser lançada.

minnie-side-mary-poppins-aniversario-002

Isso aconteceu porque a autora tinha diversas ressalvas quanto a esse tipo de trabalho. Ela tornou-se consultora durante a produção do filme, mas muito do que foi feito a desagradou. Ela não gostava da forma como Poppins estava “amolecida”, diferente da versão mais séria que ela tinha criado. Algumas músicas a agradaram, outras nem tanto, e principalmente as sequências de animação a deixaram com raiva da produção de tal forma que ela proibiu qualquer outra adaptação da série.

Ela desgostou tanto desta versão que quando foi procurada para autorizar a história se tornar um musical, suas exigências eram de que todos os criadores envolvidos fossem britânicos, e que ninguém que tivesse trabalhado na produção cinematográfica estivesse envolvido. Isso excluiu imediatamente os compositores do longa, apesar de músicas deles poderem ter sido incorporadas a peça.

minnie-side-mary-poppins-aniversario-003

Em 2013, a Disney lançou o filme Walt nos Bastidores de Mary Poppins, uma versão dramatizada dos eventos por trás das gravações de Mary Poppins, com Tom Hanks no papel de Walt Disney e Emma Thompson como P.L. Travers. Alguns críticos acharam que o filme forçou uma ideia errada de como foram as coisas.

Margaret Lyons, por exemplo, disse: “O que foi apresentado como uma pedante sem amor e sem alegria finalmente se entregando ao maravilhoso mundo de imaginação de Disney poderia da mesma forma ser apresentado como uma pessoa criativa e passional, com dignidade e emoções reais sendo destruída por uma das companhias mais poderosas do mundo.”

minnie-side-mary-poppins-aniversario-004

O elenco do filme de 1964 é incrível, e conta com Julie Andrews interpretando divinamente a babá mágica, ao lado de Dick Van Dyke dando um show de interpretação e dança como Bert. Entre os outros atores, temos David Tomlinson como Sr. Banks, Glynis Johns como sua esposa e as crianças atuando de forma impecável Jane e Michael Banks, respectivamente Karen Dotrice e Matthew Garber. Ambos encerraram suas carreiras no cinema ainda jovens, e Matthew acabou sofrendo pancreatite e morrendo aos vinte e um anos.

Atualmente, a Disney está produzindo uma sequência de Mary Poppins, e escalou a atriz Emily Blunt para o papel da babá. Pouco se sabe a respeito dessa continuação, Julie Andrews, que imortalizou a personagem, se pronunciou para a revista Entertainment Weekly, dizendo que achou a escolha maravilhosa. Blunt também confirmou que sua versão será mais durona, por conta de estarem se inspirando mais nos livros nesta continuação. Nós aqui estamos mega ansiosos para ver esse novo filme da Babá Praticamente Perfeita, e vocês? Contem para nós!

minnie-side-mary-poppins-aniversario-final-camundongo

Compartilhe.

Sobre o Autor(a)

Sarah Campos ama tudo o que diz respeito a Disney, principalmente a Cinderella. Gosta de cinema, jogos de vídeo game, ficção científica e quadrinhos da Marvel. Tem como sonho conhecer o mundo e mais do que ele tem a oferecer.



  • Pedro

    No filme Mr. Banks não é um banqueiro, mas um bancário. Banqueiros são os velhos Dawes, Olhei na internet e fiquei sabendo que o velhíssimo Sr. Dawes era o Dick van Dyke, sob uma pesada maquiagem.