Designated Survivor | 1×12 – The End of the Beginning

0

DS_EP12_TopoDesignatedS_TFD_AVISO

Depois de alguns episódios, finalmente Designated Survivor volta a prender a atenção do espectador. O título do décimo segundo episódio faz jus ao que aconteceu durante esses quarenta e cinco minutos. Quem lembra do episódio anterior sabe que finalizou em um momento chave quando a agente Hannah Wells ia contar para o presidente tudo o que ela sabia sobre o vice-presidente, Peter MacLeish.

Então, é assim que o episódio começa. Ela conta tudo o que sabe e o mais importante é que, tanto a agente quanto Mike, deixam claro que todas essas informações compartilhadas devem ficar somente entre eles, não podem escapar nem para a esposa de Kirkman, por conta da gravidade e da profundidade que a situação tomou. Assim, o presidente pede para que Wells trace um plano para prender MacLeish.

DS_EP12_03

Parte do plano é conseguir um procurador geral e, para isso, foi necessário chamar alguém de confiança, ou minimamente confiável. Sendo assim, Wells contata com John Forstell para o cargo que aceita na hora. Quando se trata em prender o vice presidente pelo maior crime que já aconteceu no país, é necessário que todas as evidências sejam claras.

O que Hannah Wells tinha era apenas uma fração do que era necessário. Para isso, ela foi encontrar com alguém que esteve paralelamente envolvido no escândalo: Jason Atwood. Ele, que ainda está preso, não quis ajudar, pois não tinha notícias de seu filho, o que o deixou transtornado já que tinha feito um acordo com aquela moça, a qual já vimos conversando com MacLeish e Aaron Shore.

DS_EP12_4

Na Casa Branca, a situação está um pouco esquentada. Com Kirkman ainda no hospital, Peter continua no comando, o que lhe dá direito de fazer coletiva com imprensa sem avisar com antecedência à equipe de Kirkman e, assim, passar uma imagem ao povo estadunidense de que está em boas mãos, afinal, MacLeish tem lábia para se envolver com as pessoas.

Além disso, mais duas coisas acontecem simultaneamente. Aaron descobre que Emily esteve olhando as suas conversas passadas e Hookstraten deseja falar com o presidente no hospital, mas Aaron parece querer dificultar as coisas por não saber sobre qual assunto a congressista deseja falar.

DS_EP12_07

Em paralelo, também vemos que Kirkman está mudando seu comportamento com as pessoas, porque com tanta coisa acontecendo e tantas informações, o presidente fica bravo, fica receoso e, por isso, age de forma mais dura e direta. Parte disso é mostrado quando Aaron vai ao hospital falar sobre a congressista e Kirkman aproveita para explicar sobre a razão de Emily ter investigado as ligações telefônicas do chefe de gabinete.

Sem a ajuda de Atwood, Wells e Forstell tiverem que encontrar algum elo fraco em toda a história de MacLeish para poder tirar as respostas que precisavam para tê-lo sob custódia. Eles vão atrás de Alvin Joyner, um dos pilotos da missão de 14 de Novembro. A ideia era enfraquecê-lo e fazê-lo falar e, como a linguagem do corpo muitas vezes fala mais alto que as palavras, Wells consegeu fazer com que o homem fique incomodado a ponto de ligar para MacLeish.

DS_EP12_01

A prova de que Joyner é o elo fraco se confirmou quando Peter volta para casa e liga para uma pessoa sobre uma marca giz em uma caixa de correio e descobre que Alvin precisava falar com ele para ficar mais calmo e seguir com o plano. Com essas agitações somadas às suspeitas levantadas por Kirkman, o presidente decide que já está mais do que na hora de voltar para a Casa Branca e ir se recuperando aos poucos.

Quando Hookstraten visita novamente Aaron, ela resolve contar o que deseja saber: por que perderam o atirador que atirou em Kirkman. Aaron reluta, mas acaba contando o que aconteceu e explica a ordem dada por MacLeish aos soldados que estavam atrás de Catalan e pede para que aquilo fique somente entre eles, mas conhecendo a congressista, vocês sabem que a coisa não vai ficar assim, ainda mais depois que ela levanta suspeitas de que Aaron quis o proteger ou que está envolvido em toda a situação.

DS_EP12_06

De volta ao lar do vice-presidente, Beth MacLeish aconselha o marido a não encontrar com Joyner, já que isso pode ser resolvido de outra forma. Todos seus movimentos devem ser feitos com cautela e ela sempre menciona algo de terem se comprometido a algo maior, deixando claro a ele que a solução era matar a pessoa, pois estava interferindo no plano e que essa ação seria apenas mais um fatalidade da guerra.

O que impressiona um pouco é a lealdade de MacLeish com aqueles que lutaram ao seu lado na guerra. Ele insiste em querer falar com ele. De certa forma, é possível notar uma certa relutância e culpa do vice-presidente em seguir as instruções de seja lá quem for que está por trás disso tudo. Isso não o impediu de encontrar com Alvin mais tarde.

DS_EP12_08

Com o pedido de Atwood para encontrar o filho que ainda estava desaparecido, Foerstel dá a triste notícia de que a criança foi encontrada morta perto de um rio, o que, ao mesmo tempo, é triste também abre uma oportunidade de Atwood falar. Porém, claro, não neste episódio.

Essa visita do FBI para o colega de MacLeish levantou muitas suspeitas sobre quem está por trás de todo os ataques. E assim, a moça misteriosa que sequestrou o filho de Atwood vai à polícia para descobrir sobre Wells e acaba sabendo que ela não está por lá. A notícia chega a Beth, que tenta ligar para MacLeish para contar que o FBI está com escutas em Joyner, mas ele não atende e aí ela age por si só.

DS_EP12_02

Joyner e MacLeish se encontram no cemitério, onde todos os colegas que perderam estão enterrados. A equipe de segurança, que já estava avisada sobre o que poderia acontecer, segue o protocolo de deixá-lo a sós com seu amigo e, ao mesmo tempo, Wells está escondida nos arbustos, ouvindo a conversa dos dois.

O que acontece nessa conversa é que, Joyner acredita não conseguir mais guardar todas as mentiras contadas por MacLeish para protegê-los de sabe lá quem e o vice-presidente fala que fez isso da mesma forma que o governo os mandou para lá a fim de executar a missão designada, que deve ter ido por um caminho mais cruel. Nisso, Forstell dá a o sinal verde para Wells prendê-lo e aí ela entra em ação.

DS_EP12_05

MacLeish tenta fugir, mas Hannah fica com ele na sua mira. O que eles não esperavam é que, atrás dela, Beth aparecesse também com uma arma e atirasse em seu marido e, logo em seguida, se suicidasse.  Você deve ter ficado tão impressionado como eu. O fim de um começo, lembra? Esse é o nome do episódio.

O episódio termina com Kirkman saindo do quarto do hospital e Mike contando em particular a notícia do que acabara de acontecer. E aí? O que você achou do episódio? Para mim, ele fez tudo o que os anteriores tinham deixado de lado. Teve revelações e fatores para te deixar efetivamente cativado e não foi previsível. Agora, o que nos resta saber é como essas investigações tomarão rumo.

DS_EP12_Final

Designated Survivor (2017) | 1x12 - The End of the Beginning

7.8 IMPRESSIONANTE

Drama / Thriller
Direção: Mike Listo.
Elenco: Kiefer Sutherland, Natasha McElhone, Adan Canto, Italia Ricci, LaMonica Garrett, Kal Penn e Maggie Q.
Roteiro: Paul Redford e Carol Flint.

  • DIREÇÃO 8
  • ROTEIRO 8
  • ATUAÇÃO 9
  • TRILHA SONORA 7
  • FOTOGRAFIA 7
  • EDIÇÃO 8
Compartilhe.

Sobre o Autor(a)

Editora d’O Camundongo. Coleciono tsum tsums. Meu filme favorito da Disney varia de acordo com o meu humor. Sou apaixonada pelas trilhas sonoras da Disney e o mascote do site é o meu maior xodó gráfico.