A magia por trás do curta-metragem Piper

1

novas-redes-camundongo-002piper-inicio-magia-camundongo

Piper (2016) é o novo curta do Pixar Animation Studios, o qual está sendo exibido antes das sessões de Procurando Dory (2016) e traz a história de uma filhote de passarinho que está aprendendo a viver no mundo, correndo atrás de comida e enfrentando seus medos.

No entanto, a magia do curta não está somente na história, mas em seu conceito visual. De acordo com o diretor Alan Barillaro, a ideia do curta surgiu como uma forma de teste de um software de modelagem para animação.

Piper-Pixar-Meio4

Para ser mais exata, a cena era a do passarinho com medo da água. Lembram do corvo de Valente (2012)? Pois bem, foi dele que Piper foi moldado. Após o primeiro teste, Alan mostrou a Andrew Stanton que o incentivou a continuar, pois tinha algo lá.

Ou seja, a história surgiu através de um pequeno teste. Com isso, vieram os maiores detalhes. Se prestarmos atenção, o modo que a câmera se movimenta, é como se o espectador estivesse assistindo a um documentário.

Piper-Pixar-Meio2

A ideia, segundo o diretor, sempre foi essa devido à dificuldade de se aproximar desse animal e dos aparatos usados para capturar as imagens desses pássaros. O objetivo é levar os espectadores, mesmo que na praia, a enxergar por uma nova perspectiva.

Outro elemento que encanta no curta é a luz. Existem cenas que você irá se perguntar se aquilo é real ou não. Para o estúdio, a ideia é ser fotorrealista e não que seja real, logo, por trás disso existe o verdadeiro elemento artístico que vem, grande parte, pelo trabalho do diretor de fotografia Eric Schmitt e o designer produtor Jason Deamer.

Piper-Pixar-Meio1

A dupla, com Barillaro, faz desse trabalho uma verdadeira obra de arte. Todas as cenas não foram produzidas somente pelo computador, mas também pelos detalhes a mais. Seja uma cor específica ou onde a luz será melhor projetada.

Tudo isso foi inspirado em artistas clássicos, como Caravaggio, Michelangelo, Leonardo da Vinci, e até mesmo na forma que Mickey Mouse capta a atenção das pessoas. Há diversos fatores que devem ser feitos pelo próprio animador. Esses são alguns dos elementos que fazem as animações do estúdio terem tanta qualidade. É fazer dos programas de animação o lápis que dará vida à história.

piper-final-magia-camundongo

Compartilhe.

Sobre o Autor(a)

Editora d'O Camundongo. Coleciono tsum tsums. Meu filme favorito da Disney varia de acordo com o meu humor. Sou apaixonada pelas trilhas sonoras da Disney e o mascote do site é o meu maior xodó gráfico.



  • Luiz Felipe Matos

    Show!
    Fico completamente admirado com toda o trabalho e metodologia de pesquisa nos filmes dos estúdios.